Filhos bilíngues!

Muitas pessoas me perguntam como os meus filhos irão lidar com o novo idioma, o inglês. A adaptação na nova escola, como eles irão aprender o conteúdo, se comunicar e principalmente fazer novos amigos. Confesso que era uma preocupação menor para mim mas diante de tantos questionamentos resolvi pesquisar sobre o assunto. 
Comecei a imaginar os meus filhos totalmente desconectados com o mundo ao seu redor… 
Estudos são feitos e muitos livros são publicados sobre esse assunto tão polêmico. A Luciana Misura indicou um livro que considera muito bom em seu post sobre os Mitos do Bilinguismo. Muito interessante! Outro site bacana, com muita informação, é o Filhos bilíngues. Gostei muito do post com 23 dicas. São bons para quem quiser se aprofundar mais sobre o assunto.
Graças a Deus, os textos mais variados mostram que o processo de aquisição do novo idioma ocorre muito naturalmente e que as crianças não sofrem com essa angústia que aflige os pais. O processo se torna tão tranquilo para elas que muitas vezes a criança, se não incentivada pelos pais, acabam abandonando a língua de origem. O que não seria estranho pois o período integral na escola expõe a criança a um tempo bem maior com esse novo idioma.
Combinamos que em casa falaremos somente a nossa língua materna. Ainda mais que não sou fluente no inglês, longe disso! Porém, não vou ser aquela mãe obsessiva e controladora que obriga seus filhos a fazerem algo que não querem. Parece bobagem mas não é unânime entre os expatriados essa decisão de manter o português. Continuar falando a língua de origem, acredito eu, é muito importante para a preservação da cultura. Devemos sempre nos orgulhamos do que somos e de nossas origens. O mundo está caminhando para o domínio de várias línguas. Vivemos em um mundo globalizado. Moraremos em uma cidade cosmopolitan, com certeza o inglês e o português não serão os únicos idiomas que eles desenvolverão. 
As escolas americanas possuem um programa ESL (English as a  Second Language) que ajudam as crianças nesse processo da aquisição do novo idioma. O tempo estimado para eles se adaptarem varia de criança para criança, não tem nada a ver com inteligência ou outras lendas. A mistura e trocas dos dois idiomas ocorre muito facilmente no início. Quanto mais nova a criança mais fácil para adquirir a nova língua e mais difícil manter a de origem. Possivelmente falarão mais rápido que eu!
Enfim, teremos muito trabalho, muitos desafios. E exatamente isso que torna tudo tão divertido!!
Até o próximo post!!
Anúncios

3 pensamentos sobre “Filhos bilíngues!

  1. Pingback: Morando nos EUA – Que língua as crianças falam em casa? | Alô Houston!!!

  2. Oá Dayse,
    Muito interessante o conteúdo do seu Blog, especialmente os que tratam de assuntos sobre escolas. Trabalho com Educação no Brasil e estamos oferecendo Colônia de Férias Bilingue em Português. Esse programa é em conjunto com uma Fundação em Houston. Gostaria muito de saber o sua opinião sobre esse programa. Estarei em Houston a partir de 13/04. Poderiamos agenda um horário?
    Agradeço antecipadamente e aguardo retorno,

    Ana Simão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s